Destinos do Brasil

Descubra mais de 550 destinos pelo Brasil

19 de Dezembro de 2018

O que curtir e onde ficar em Paraty (RJ)

No verão - e em todas as estações - cidade histórica é uma das mais desejadas da Costa Verde

Escorrega com direito a banhos refrescantes Escorrega com direito a banhos refrescantes (foto: Gabriel Toledo)
Se tem um destino que não deve faltar em um roteiro de férias é Paraty – em especial no verão! O local é um dos poucos do sudeste do país que consegue agregar praia, cachoeira, história e boa gastronomia. 

Isso tudo sem falar na facilidade de locomoção oferecida pelas vias de acesso, como a rodovia Rio-Santos e a estrada Paraty-Cunha, tornando a charmosa cidade em uma das mais procuradas para aquelas tão sonhadas férias, ou mesmo, um fim de semana ensolarado de verão. 

Destacamos 5 programas imperdíveis para fazer em Paraty. Confira:

1) Centro Histórico 
Um dos passeios obrigatórios é visitar o Centro Histórico, que foi o principal porto exportador de ouro do país durante o período colonial. O casario tombado pelo Iphan hoje abriga lojas, pousadas e restaurantes, preservando, junto com o famoso calçamento pé de moleque, a arquitetura típica do Brasil Colônia. Entre os destaques estão as igrejas da Matriz e de Santa Rita.

Igrejinha de Santa Rita se destaca na paisagemIgrejinha de Santa Rita se destaca na paisagem (foto: Gabriel Toledo)

2) Praias de Trindade
Composta por seis praias, Trindade é o destino perfeito para os amantes de sol e mar. As praias Brava e de Fora, são ideais para os praticantes de surf. Já a praia do Meio é indicada para famílias com crianças, por conta do mar calmo. 

Para quem procura maior comodidade, como bares e quiosques, as praias do Cepilho e dos Ranchos são as preferidas. Os trilheiros também têm o seu lugar: a praia do Cachadaço. 

Praia do Cepilho reúne surfistas Praia do Cepilho reúne surfistas (foto: Gabriel Toledo)

3) Saco de Mamanguá
A imponente entrada de mar, cercada por montanhas rochosas, garantiu ao Saco de Mamanguá o título de único fiorde tropical do mundo. O local engloba 33 praias, 10 rios, oito comunidades caiçaras, cachoeiras e uma enorme reserva ambiental. 

O passeio é feito de barco ou por trilha. Para quem tem bom condicionamento físico, ainda é possível acessar a subida íngreme de 420 metros do Pão de Açúcar de Paraty, garantindo uma das melhores vistas do fiorde.

Pico do Pão de Açúcar, cartão-postalPico do Pão de Açúcar, cartão-postal (foto: Gabriel Toledo)


4) Gastronomia caiçara
A gastronomia de Paraty é um capítulo à parte, com destaque para a culinária caiçara. Ela pode ser apreciada nos muitos restaurantes locais – entre eles, o Margarida Café. No local, é possível provar um dos pratos mais famosos da cidade, o Peixe Mamanguá, com lombo de peixe grelhado, medalhão de manteiga de urucum, risoto de coco com abobrinha e chips de banana da terra. 

Para acompanhar, a pedida é experimentar as premiadas cachaças paratienses, que podem ser adquiridas nos bares, restaurantes ou em um dos sete alambiques da região.

Peixe Mamanguá: lombo de peixe, medalhão de manteiga de urucum e risoto de coco Peixe Mamanguá: lombo de peixe, medalhão de manteiga de urucum e risoto de coco (foto: Gabriel Toledo)

5) Cachoeiras 
Dezenas de quedas d´água compõem o circuito de cachoeiras de Paraty. Uma excelente opção para se refrescar durante o verão. 

Boa parte fica a menos de dez quilômetros do centro da cidade, como Pedra Branca e Poço da Laje. Esta última é conhecida pela disputada pedra do escorrega, que termina em uma grande e rasa piscina natural.

Pedra BrancaPedra Branca (foto enviada por Karen Mayumi Fukui)

Conforto de sobra na hora de se hospedar
Na hora de escolher a hospedagem, são muitas as opções na cidade – há pousadas próximas ao Centro Histórico e das praias, e também em meio à mata Atlântica. 

Para quem prefere ficar perto do burburinho, as dicas são as pousadas Maravilha de Paraty, a 200 metros do Centro; e Villa Dell Sol, a um quilômetro. Na Maravilha, o destaque é a linda piscina com hidromassagem. Já a Villa, a 800 metros da praia do Portal e em uma grande área natural, os diferenciais são a academia e a sauna. 

Instalada na praia de Jabaquara e também próxima ao Centro, a Pousada Vistamar está de frente para a praia e a cinco minutos de carro do Centro Histórico. Na mesma região, a Pousada Praia do Jabaquara está a pouco mais de um quilômetro do Centro e a 50 metros da praia. 

Tranquilidade na praia JabaquaraTranquilidade na praia Jabaquara (foto enviada por Cata Russa)

Para quem procura paz em meio à natureza – mas sem se afastar do Centro, a Pousada Eco Resort Cachoeira Azul é uma excelente pedida. A sete quilômetros do centro e das praias, está inserida na Serra da Bocaina, oferecendo 300 mil metros quadrados de floresta preservada, rio com piscina natural, trilhas e mirantes. 
 
Também com localização privilegiada, entre o mar e a mata Atlântica, a Pousada Alarum, é puro relax! Em meio a área verde, abriga uma linda cachoeira com piscina natural. Localizada no arborizado bairro Caborê, a Pousada Recanto das Andorinhas é mais uma opção perfeita para descansar, também próxima do Centro, das praias, dos cafés e dos restaurantes. O jardim aconchegante divide a atenção com a pizzaria artesanal com forno à lenha! 

A dez minutos do centro e próxima de praias com estrutura de barracas, fica a Pousada Recanto de Paraty. Em meio à mata Atlântica, a pousada familiar exibe linda vista.

Veja também: Descobrindo Paraty

Gracie Croce

Jornalista, adora viajar e descobrir novos lugares. O que não impede de voltar àqueles por onde andou...