Arnaldo
tem 62 anos, mora em Belo Horizonte, já enviou 17 dicas, já publicou 13 fotos

Minhas Fotos (13)

Maceió (13)
  • Praia do Gunga
    Maceió
  • Praia do Gunga
    Maceió
  • Praia do Gunga
    Maceió
  • Praia do Gunga
    Maceió
  • Passeio à foz do Rio São Francisco
    Maceió
  • Passeio à foz do Rio São Francisco
    Maceió
  • Tabuba
    Maceió
  • Carro Quebrado
    Maceió
  • Tabuba
    Maceió
  • Tabuba
    Maceió
  • Dunas de Marapé
    Maceió
  • Dunas de Marapé
    Maceió
  • Dunas de Marapé
    Maceió

Minhas Dicas (17)

Maceió (11), Porto de Galinhas (5), Barra do Cunhaú (1)
Luau Turismo - Tudo bom, menos os veículos.
Maceió Esteve lá a dois em Julho/2012 e achou Bom

Estive em Maceió em julho de 2012 e seguindo dicas do site, contratei quatro passeios com a Luau Turismo (Gunga, Foz do Rio São Francisco, Tabuba e Dunas de Marapé). Os passeios, incluindo o almoço no São Francisco e em Dunas do Marapé ficaram em R$ 185,00 por pessoa. Gostei da seriedade e do profissionalismo da empresa. Foram corretos e normalmente pontuais. Os guaias muito simpáticos. Só não gostei de dois pontos.

O primeiro é que, como os grupos geralmente são menores dos que os dos receptivos da CVC, que usam ônibus maiores, na Luau o guia é o próprio motorista do micro ônibus ou da van, o que torna a condução menos segura e a atenção com o grupo menor, durante a viagem, pois ele fala ou dirige ou faz os dois ao mesmo tempo. O segundo ponto, o que mais me incomodou, foi o estado de conservação dos veículos. São velhos e desgastados pelo uso, batendo muito, o que torna as viagens pouco confortáveis, por esse aspecto, em uma próxima viagem não devo mais fechar com eles.

53 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Praia do Gunga - Visual Atrapalhado por Mesas e Sombrinhas
Maceió Esteve lá a dois em Julho/2012 e achou Bom

Vista do Mirante

Visitei a praia do Gunga em julho de 2012. A praia é bonita e seria prefeita se não fosse a quantidades de sombrinhas com mesas, que atrapalha bastante o visual. A praia tinha muitas pessoas e a disposição das mesas cadeiras e sombrinhas atrapalha completamente o visual: você vê o mar, que sozinho se parece muito com o de outras praias do nordeste, com a característica barreira de corais ou vê o coqueiral. Um ponto positivo foi o passeio de buggy pelas falésias. Um visual muito bonito. Outro ponto negativo foi a comida da barraca Arco Iris, ponto de apoio da Luau Turismo.

Já tendo lido várias dicas no site, falando mal da comida do Gunga, falei sobre isso com o garçom e pedi-lhe seu melhor prato. Ele me indicou o peixe inteiro, que seria uma pescada amarela inteira, posteada, com acompanhamentos. Quando chegou o prato, veio a primeira decepção: o peixe inteiro se resumia a duas postas grelhadas e secas, acompanhadas de batatas fritas murchas e encharcadas, fatias de tomates verdes, folhas de alface para enfeitar e arroz com raspas de cenoura. Além do pouco peixe (pelo anunciado), do preço elevado, da apresentação feia e da falta de sabor e preparo ruins, no final, quando pedi a conta e comentei com o garçom que o peixe não estava bom e não era inteiro, ele simplesmente me respondeu que a culpa não era dele! Peço inclusive a quem gostou da comida do Gunga que nos conte onde comeu, pois pelas avaliações feitas, cada barraca é pior que a outra e o guia da Luau disse que todas as barracas são do mesmo dono, o que, se for verdade, é terrível.

Alguém, durante o passeio comentou que a única comida boa da região é do restaurante do mirante, que fica a 800 metros da praia, numa região alta (nível da rodovia), porém para quem faz os passeios com receptivos, como foi o nosso caso, é uma opção difícil, pois teríamos que subir à pé, já que a visita ao mirante somente ocorre no final do passeio. Por falar em mirante, a vista lá de cima vale a pena!

No final foi um bom passeio, mas gostamos muito mais de Tabuba com Carro Quebrado e Dunas de Marapé.

16 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Passeio à foz do Rio São Francisco - Não gostei muito
Maceió Esteve lá a dois em Julho/2012 e achou Bom

Dunas móveis em dia nublado

Estive com minha esposa em Maceió em julho de 2012 e entre os passeios que fizemos, fomos visitar a foz do rio São Francisco com a Luau Turismo. Saímos do hotel às 7:15h e fomos de ônibus até a cidade de Piaçabuçu, que fica 134 km distante de Maceió. Ao chegar na cidade pegamos um barco, que desce o Rio São Francisco até um local onde existem as dunas móveis e que fica distante da foz, onde acontece o que eles chamam de perereca do São Francisco (dizem que o encontro das águas do Rio Amazonas com o rio Xingu cria a pororoca e lá, o encontro do rio São Francisco com o mar, brincam, é chamado de perereca).

Durante o passeio de barco são servidas frutas, incluídas no preço do pacote (translado, almoço e passeio de barco por R$ 75,00) e uma simpática guia vai falando sobre o trajeto e sobre o Rio. Esse passeio de barco dura cerca de 45 minutos e é meio monótono, já que a paisagem é repetitiva e não tem quase nada de interessante.

Já as dunas são bem bonitas, mas como o dia estava bem nublado, a paisagem ficou muito prejudicada, sem o azul do céu e o sol.
O tão falado encontro das águas do rio com o mar é visto de muito longe e sinceramente, pela distância não dá para emocionar ninguém. Vou adicionar uma foto tirada com um zoom de cerca de 20 vezes, para se ter uma ideia.
Na volta a Piaçabuçu, foi servido um almoço razoavelmente bom em um restaurante ponto de apoio da Luau Turismo, no sistema de self-service.
Retornamos ao hotel por volta das 18:00h.

No final das contas, foi um passeio muito longo e cansativo, que eu não repetiria, ainda mais em um dia sem sol.

34 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Chivito's - Melhor sanduíche de Maceió
Maceió Esteve lá a dois em Julho/2012 e achou Excelente!

Em julho de 2012 estive com minha esposa no Chivito's e experimentei o sanduíche de carne de sol desfiada com cebola e queijo coalho e foi um dos melhores sanduíches que comi em minha vida. Minha esposa pediu um que tinha hambúrguer e banana e também adorou! Outros pontos positivos foram a batata frita, que também é ótima e o suco de laranja em jarra, uma delícia! Vale muito a pena conhecer e certamente voltaremos em outra oportunidade.

4 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Restaurante Parmegiano - O Pior estrogonofe que já comi!
Maceió Esteve lá a dois em Julho/2012 e achou Péssimo

Estivemos na unidade de Pajuçara e seguindo várias dicas do site fomos conhecer o Restaurante Parmegiano da Pajuçara pedimos o estrogonofe de camarão à carrancuda garçonete que nos atendeu (não sorriu, não desejou boa noite e nem mesmo olhou para nós). Trouxe o prato - uma porção bem farta, acompanhado de arroz e batata palha, mas que decepção! O estrogonofe só tinha gosto de catchup e textura de creme de maizena. Conseguiram tirar totalmente o sabor do camarão. Sobrou praticamente tudo. Sinceramente, o pior estrogonofe que já comi em 54 anos de existência! O custo foi baixo, mas definitivamente não valeu a pena!

20 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Imperador dos Camarões - Decepção
Maceió Esteve lá a dois em Julho/2012 e achou Ruim

Estive com minha esposa em Maceió em julho de 2012 e apreciadores da boa culinária que somos, visitamos vários restaurantes: Parmegiano, Divina Gula, Carne de Sol do Picuí, Akuaba e Wanchako. Ficamos muito decepcionados com o Imperador dos Camarões. Enquanto ainda estávamos nos sentando e chegou um garçom oferecendo uma pequena porção do famoso chicletes de camarão para provarmos (prato formado por camarões cozidos e cinco tipo de queijos derretidos e gratinados. Achei a atitude do garçom, embora meio precipitada, muito gentil e simpática, já que em Minas Gerais, minha terra natal, provar significa experimentar para ver se é bom e normalmente não se cobra por isso. Não foi o caso.

A experiência custou R$ 10,00 e definitivamente não gostamos do prato. O excesso de queijo simplesmente roubou todo o sabor do prato e fez desaparecer qualquer gosto de camarão. De qualquer forma essa ?experimentação? nos poupou de pedir o chiclete de camarões como prato principal (era a nossa intenção, inclusive seguindo várias e opiniões dos visitantes).

Como estávamos com pouca fome, resolvemos pedir somente um camarão de entrada (não me lembro agora o nome do prato), que viria empanado com quatro tipos de massas diferentes(macaxeira, gergelim e outras duas que não me lembro). Depois de um longo tempo, o garçom trouxe-nos um prato diferente, que tinha camarões, lagosta inteira e peixe grelhados. Perguntei-lhe se aquilo era o camarão que eu havia pedido e só aí ele percebeu o engano. Tivemos que esperar mais um bom tempo pelo prato correto. Infelizmente o camarão certo também não estava saboroso e sobrou muita comida.

126 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Wanchako - A segunda melhor comida de Maceió
Maceió Esteve lá sozinho em Julho/2012 e achou Excelente!

Estive em Maceió em julho de 2012 e apreciadores da boa culinária que somos, visitamos vários restaurantes: Parmegiano, Imperador dos Camarões, Divina Gula, Carne de Sol do Picuí, Akuaba e dentre todos, o segundo melhor, sem dúvida, foi o restaurante Wanchako, onde experimentei o Robalo a lo macho (peixe grelhado com camarões ao forno, guarnecido de risoto de camarão) muito gostoso. A porção é individual e a conta, incluindo o prato e mais uma água mineral sem gás ficou em R$ 67,00. Valeu a pena e certamente voltarei em uma outra viagem a Maceió.

46 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Divina Gula - Esperava mais
Maceió Esteve lá a dois em Julho/2012 e achou Bom

Visitei o restaurante Divina Gula em Maceió no mês de julho de 2012. Como sou mineiro e apreciador da culinária de minha terra, deixe a visita para o último dia de minha viagem, quando já estava com saudades da comidinha mineira. Pedi o prato ?Amostrado?, que é um verdadeiro desfile de pratos típicos, formado por pequenas porções de tutu à mineira, feijão tropeiro, couve, arroz de alho, linguiça caseira, costela de porco, bife de pernil, torresmo, frango com quiabo, farofa de milho com cebola e jiló na chapa. Não posso dizer que a comida estava ruim, muito antes pelo contrário, mas também não posso, infelizmente dizer que estava muito boa.

Já provei comidas mineiras bem melhores e também bem piores, porém pela expectativa que eu estava, em função de outras avaliações, fiquei meio decepcionado. De qualquer forma, pretendo voltar ao restaurante em outra oportunidade e experimentar um outro prato. Gostei muito do ambiente e da atenção dos garçons.

34 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Carne de Sol do Picuí - Carne de sol gostosa
Maceió Esteve lá a dois em Julho/2012 e achou Muito bom

Visitei o restaurante Carne de Sol do Picuí em Maceió no mês de julho de 2012 e experimentei o prato da Boa lembrança: carne de sol sobre baião-de-dois cremoso. O restaurante é muito agradável embora fique no bairro de Jaraguá, um pouco longe de Jatiúca (Ponta Verde), onde se localizam a maioria dos bons restaurantes da cidade, oferece traslado gratuito dos e para os hotéis.

Achei a carne de sol muito boa e o baião-de-dois bom. A porção deu de sobra para mim e minha esposa e o preço é bem razoável. Numa próxima visita a Maceió voltarei ao restaurante e experimentarei outro prato.

52 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Tabuba - Praias desertas e lindíssimas!
Maceió Esteve lá a dois em Julho/2012 e achou Excelente!

O rio e o mar na maré baixa

Visitei Tabuba em julho de 2012 com a minha esposa e posso dizer que juntamente com a visita a Dunas de Marapé, foram os melhores passeios que fizemos nessa viagem.

A praia de Tabuba é pouco explorada, quase deserta, o que nos deixa bem a vontade. Fomos com a Luau turismo que nos deixou em um restaurante a beira mar pequeno e bem organizado, que nos serviu uma comida muito boa: caldeirada de frutos do mar.
Tal como em Dunas do Marapé, Tabuba também está localizada no encontro de um rio com o mar, o que faz uma paisagem muito bonita. A areia no encontro com o mar é grossa e mais acima bem fininha.

Foi uma das praias onde encontrei mais conchas.
Fizemos o passeio de buggy até a praia de Carro Quebrado, passando pela ilha de Croa (Capitão Nicolas). Carro Quebrado é uma praia lindíssima, com falésias à beira mar, uma paisagem incrível. Os buggeiros liderados pelo dono do restaurante (me esqueci o seu nome), todos muitíssimo simpáticos. Um passeio, no todo, imperdível!

139 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Dunas de Marapé - Um dos dois melhores passeios de Maceió
Maceió Esteve lá a dois em Julho/2012 e achou Excelente!

Visitei o complexo de Dunas do Marapé em julho de 2012 com a minha esposa e posso dizer que juntamente com a visita a Tabuba e Carro Quebrado, foram os melhores passeios que fizemos nessa viagem.

Dunas do Marapé é uma propriedade privada. Chegamos a um ponto de apoio e pegamos um barco, que atravessou o rio nos levando para a outra margem, próximo à sua foz, onde se localiza o complexo (a travessia dura menos que 5 minutos).
O complexo todo é muito bonito, bem cuidado e organizado, possuindo jardins, um amplo restaurante, uma lojinha e muitos pontos para fotos. A praia em si também é muito linda, com coqueirais e o encontro do rio com o mar, fazendo a paisagem completa (mar, rio, areia, coqueiros e manguezal). Pena que no dia inteiro o tempo ficou nublado e assim. as cores do céu e do mar não ficaram tão bonitas. Ventou muito também o tempo todo.

Fizemos o passeio de barco descendo o rio e não gostamos muito. Não que não seja bonito, muito antes pelo contrário, mas já havíamos feito passeio semelhante em uma viagem para Natal e não achamos novidade. Além disso, a parada para banho de rio e de lama e para pegar o caranguejo é feita longe da margem, o que obriga o visitante a entrar no rio com água pela cintura e caminhar por um braço, até o manguezal. Como a água estava fria e ventava muito, muito pouca gente resolveu descer do barco e assim ficamos esperando os corajosos concluírem sua aventura, por cerca de 30 minutos, sem nada para fazer.

Como esse passeio durou cerca de uma hora e meia e custou R$ 70,00 para o casal, acho que seria melhor termos esperado na praia, mesmo porque, quando voltamos, já estava na hora do almoço. O almoço, por sinal, no único restaurante, foi bem saboroso. Self-service bem variado e farto.
Resumindo, valeu a pena ir e certamente voltaremos.

116 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Pousada dos Peixes - Grande Mico!
Barra do Cunhaú Esteve lá a dois em Março/2012 e achou Péssimo

Visitei Barra do Cunhaú em um passeio em 2010. Gostei tanto que resolvi voltar em 2012 e ficar hospedado por uma semana na Pousada dos Peixes. Grande decepção. A Pousada não tem a menor estrutura. A internet praticamente não funciona. Tivemos que mudar, no mesmo dia, duas vezes de quarto, porque o chuveiro não funcionava. A pousada é longe de tudo. Não tem telefone fixo e celular só funciona da Tim.

O café da manhã é fraquíssimo. A Cidade não tem taxi e nem carros para alugar. Fiquei preso e isolado. Á noite fui a um restaurante comer uma pizza (consegui carona com o dono da pousada) e pra voltar - ficava mais ou menos uns 2 km da pousada, felizmente o dono do restaurante nos levou, se não teríamos que ir à pé! Ficamos só uma noite e voltamos para Natal.

Antes de ir eu havia ligado para a pousada e perguntado sobre a locomoção na cidade e sobre a internet. A cara de pau da dona me disse que eu não precisava alugar um carro, já que tudo era muito perto _ mentira! A pousada fica muito afastada, a mais de 2 km do centro comercial (se é que pode se chamar assim)

Pra completar o mico, a dona da pousada ficou de me restituir um pouco menos da metade do que eu havia pago (paguei metade da reserva de uma semana alguns meses antes) fazendo um depósito em minha conta, mas não o fez.

E olha que o ambiente é todo zen, como mostra o site da pousada. Infelizmente é mais para zen vergonha!. Fujam dessa pousada!!!

16 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Evite ir em agosto
Porto de Galinhas Esteve lá a dois em Agosto/2008 e achou Bom

Infelizmente não lemos a dica sobre o tempo e marcamos nossa viagem para agosto. Dos oito dias em que ficamos lá, choveu em pelo menos cinco, além dos ventos muito fortes, que mesmo quando não caia chuva, dificultavam o lazer. Como estávamos em uma segunda lua de mel, acabamos encontrando outras diversões. Ainda assim, apesar dos dias de do mal tempo, fizemos belíssimos passeios e descansamos bastante. O lado positivo foi que as praias e os restaurantes estavam pouco ocupados, mesmo nos dias de sol, além dos preços estarem mais baixos. De qualquer forma, se for possível evitem ir em agosto e segundo a dica anterior, de maio a julho também. Parece, que fora de temporada, os meses de fevereiro, março, setembro, outubro e novembro são melhores.

571 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Transporte - taxi
Porto de Galinhas Esteve lá a dois em Agosto/2008 e achou Muito bom

A Pousada Tabapitanga, como a maioria das pousadas maiores e dos hotéis tem um ponto de apoio de taxi e vários motoristas nos ofereceram passeios, com preços variados, geralmente mais baratos dos que os oferecidos pela CVC. Como estávamos em uma segunda lua de mel, preferimos, porém fazer os passeios sozinhos. Conhecemos um taxista chamado Thiago, super gente fina, que tem um Siena. Fizemos três passeios com ele (um com outro casal e dois sozinhos). Thiago foi extremamente gentil, educado, amigo e camarada nos preços, nos dando descontos nos passeios sem outro casal. Ele tem um papo muito agradável, um conhecimento muito bom da região e dos locais dos passeios e ainda aceita pagamento com cartão de crédito! Sem duvida o recomendamos para os deslocamentos e passeios. Ele pode ser encontrado no ponto de taxi da vila de Porto de Galinhas, em frente ao Shopping. Acho que até o transfer de Recife a Porto pode ser agendado com ele e sair a um preço bem menor do que o de taxis convencionais em Recife. Para quem não se importar em dividir os veículos com mais quatro pessoas, uma boa dica é optar por passeios feitos em Doblôs, que ficam no ponto de taxi da Vila, porém é um pouco mais complicado agendar esses passeios, a não ser que vc consiga essas outras pessoas. Deixar isso por conta do motorista pode ser arriscado, já que se ele não consegui-las, seu passeio pode dançar. Nós perdemos um passeio por isso, o motorista nos ofereceu o passeio, no qual já havia um casal interessado. Confirmamos a nossa parte, mas no dia seguinte ficamos sabendo que o tal casal tinha optado por ir em outro veículo e nós acabamos sozinhos. A partir dessa experiência e da demora de um casal que foi em um passeio conosco, para almoçar, o que nos fez perder bastante tempo, passamos a preferir os passeios por nossa conta e não nos arrependemos.

91 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Pousada Tabapitanga - O que eu achei
Porto de Galinhas Esteve lá a dois em Agosto/2008 e achou Bom

De modo geral eu gostei da Tabapitanga, porém dei azar de pegar um período em que choveu a maioria dos dias. Vou destacar os principais pontos positivos e negativos que observei. A Pousada: muito arrumadinha, singela, aconchegante, muito bem cuidada e bem decorada. Realmente de frente para o mar, embora poucos chalés tenham essa vista. Os chalés são divididos ao meio ou têm dois andares. Infelizmente o apartamento que me coube tinha uma ligação com o do lado, através de duas portas. Apesar desse recurso ser prático, no caso de famílias que queiram ocupar dois apartamentos contíguos, é desastroso para casais, já que ouve-se claramente os sons produzidos no outro apartamento. Como não havia nenhuma opção de troca, nem procurei me informar se todos os chalés eram assim, mas quem quiser privacidade, deve negociar essa questão com antecedência. A Alimentação: café da manhã bem farto e variado, com boas opções. Á noite é servido um Buffet, que no meu caso já estava incluído na meia pensão. A comida é razoavelmente boa, mas como é muito variada, sempre é possível encontrar um ou dois pratos principais que satisfaçam bem. Não gostei muito, porém das sobremesas. No almoço existe somente a opção de serviço a la carte. Os funcionários: muito atenciosos, gentis e solícitos. Lazer: um quesito que deixou muito a desejar, ainda mais pelo período chuvoso que eu peguei. A única piscina é ao ar livre e muito, muito pequena. Quase não se vê ninguém entrando nela, que acaba servido quase que exclusivamente como elemento de decoração. Não existe também uma sala de jogos ou algo que se possa fazer durante as chuvas ou noites com ventos fortes, se não ficar no quarto ou na única sala de televisão. Não vi também nenhum serviço de monitoria ou mesmo de brinquedos ou playground para crianças, que acabavam ficando por conta dos pais ou de outros hóspedes. Localização: Não é das melhores. Fica longe da Vila e distante uns 400 metros do melhor ponto de banho da paria do Cupe, que é o Pontal do Cupê. Isso a recepção não informa. Pelo contrário, disseram-me que o melhor lugar para banho seria exatamente em frente à pousada. Como eu tinha me inteirado por pesquisas anteriores, vi que não era verdade e caminhando pela praia, pela esquerda, passando o Hotel Pontal do Ocaporã, mais pra frente encontrei algumas barracas simples, em frente ao Pontal do Cupe, onde existem as verdadeira piscinas naturais, melhores até que as da Vila, já que são acessíveis junto da areia. Lugar muito bonito e ótimo para banho, porém com pouca infra estrutura e relativamente longe da Pousada. Deslocamentos: Todos os deslocamentos são feitos através de taxi (existe inclusive um ponto na própria pousada. Cobram R$ 10,00 para ir à vila e se marcar o retorno, cobram um pouco menos por ele. Tentei fazer esse retorno uma vez, ligando para o motorista, mas ele demorou tanto, que definitivamente não valeu a pena. Das outras vezes preferi pagar mais R$ 10,00 e pegar um taxi na vila.

118 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Meus passeios
Porto de Galinhas Esteve lá a dois em Agosto/2008 e achou Excelente!

Na semana em que eu estive em Porto (03 a 10/07/08) choveu em quatro dias, o que dificultou que eu fizesse mais passeios. O melhor deles, sem dúvida alguma, foi o da Praia de Carneiros. Fantástico o lugar, a natureza, a mistura de mangue, praia de arreia branca, coqueirais, rio, mar, arrecifes, realmente é de encher os olhos. Como dica, deixem para o final da viagem, para guardar a melhor lembrança, já que fazê-lo primeiro tende a deixar os outros meio sem graça. O segundo melhor, foi Recife/Olinda, sobretudo por Olinda! Lindíssima cidade. Lembrou-me Ouro Preto, porém com uma magnífica vista para o mar. Gostaria de ter tido mais tempo para saborear as igrejas, conventos, o artesanato, os bonecos, a arquitetura e o próprio astral da cidade, uma das mais bonitas (parte histórica), que eu conheci. O terceiro (foi o último), foi o de Cabo de Santo Agostinho, com banho de argila e Calhetas. Muito bonito também, mas como já tinha feito Carneiros antes, perdeu feio. De qualquer forma, é um passeio que merece ser feito. Como eu estava na praia do Cupe (pronuncia-se Cúpi) e já tinha ido à Vila várias vezes (era onde eu almoçava normalmente), visitei apenas mais a Praia do Muro, que também é muito bonita, mas como estava chovendo e ventando muito, não deu para apreciar direito a sua beleza e nem entrar no mar. Achei também fantástico o passeio de jangada até as piscinas naturais na Vila. É emocionante ver e mergulhar com os peixinhos tocando o seu corpo, sem demonstrarem o menos medo. Imperdível e inesquecível.

101 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Roteiro gastronômico
Porto de Galinhas Esteve lá a dois em Agosto/2008 e achou Bom

Estive em Porto de Galinhas de 03 a 10/08/08. Aproveitei as dicas do site e visitei vários restaurantes. Na verdade achei a comida, de modo geral, muito sem tempero. Destaco o buffet da Pousada Tabapitanga (estive lá com meia pensão), que é servido apenas no jantar. Até pela grande variedade oferecida, sempre encontrei boas opções de saladas e peixes. Gostei também de um peixe grelhado com cachaça e mel de engenho, com arroz de alcaparras, do Barcaxeira, porém a porção não dá bem para duas pessoas. O peixe na telha, do restaurante homônimo, é razoável, porém meio sem gosto. Gostei também do camarão café Paris (parece que é esse o nome), do festival do camarão do Domingos Restaurantes, mas não gostei do camarão no abacaxi, do mesmo restaurante.

11 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil