Destinos do Brasil

Descubra mais de 550 destinos pelo Brasil

19 de Março de 2019

Novas regras para fazer trilhas em Noronha (PE)

Fique atento e programe-se: tem novidades para agendar alguns passeios pela ilha

Uma bela caminhada pelo lado do Mar de Fora rumo a Praia do Atalaia Uma bela caminhada pelo lado do Mar de Fora rumo a Praia do Atalaia (foto enviada por Luciana)
No fim do ano passado, o Parque Nacional Marinho de Fernando de Noronha (PE) implantou novas regras para o agendamento das trilhas que circundam o arquipélago, com limite de visitantes diários. 

São cinco rotas com reserva antecipada obrigatória: aquário natural da praia da Atalaia, Atalaia Contemplação, Morro São José, Abreus, Pontinha-Caieiras e Capim-Açu. O agendamento é gratuito, porém, as duas últimas trilhas exigem a contratação de guia. Dependendo da lua, a do Morro São José também exige acompanhamento.  

Para agendar as trilhas, é preciso ir ao Centro de Visitantes, na Vila do Boldró, entre 17h e 20h. Agora, a reserva é feita em totens de autoatendimento, sendo possível agendar trilhas para os próximos seis dias. Como a procura é grande, a dica - em especial, quem tem poucos dias no paraíso - é fazer o agendamento logo que se chegar em Noronha. Antes, porém, é preciso comprar o ingresso para o parque, à venda no mesmo lugar. Somente com ele em mãos é possível agendar as trilhas (a reserva é feita a partir do código de barras do ingresso).

Outra dica é chegar cedo – para evitar filas na hora da abertura da sala dos totens, às 15h30 tem início da distribuição das senhas de atendimento. Para entreter a turma que vai ficar por ali boa parte da tarde, tem exibição de vídeos sobre Noronha no auditório do Projeto Tamar e também uma palestra sobre as trilhas. 

Algumas caminhadas exigem agendamento Algumas caminhadas exigem agendamento (foto: Louise)

Conheça as trilhas com agendamento obrigatório:

Praia da Atalaia
A trilha leva ao aquário natural, que recebe 96 pessoas por dia, divididas em seus grupos de 16 pessoas. São cerca de 50 minutos de caminhada, partindo da Vila do Trinta.

Atalaia Contemplação
É oferecida na maré baixa, quando o aquário natural está interditado. Também recebe 96 pessoas por dia, divididas em seus grupos de 16 pessoas.

Morro São José
Apenas 16 pessoas por dia têm acesso à área, ótima para nadar com snorkel. Acessível somente na maré baixa, a trilha começa no mirante da Air France, no norte da ilha. Nas luas cheia e nova não há necessidade de guia, sendo possível, atravessar as pedras com tranquilidade. Já na minguante ou na crescente, a travessia é feita a nado, exigindo acompanhamento. 

Pôr do sol na Ponta Air FrancePôr do sol na Ponta Air France (foto enviada por José Carlos Rodrigues Junior)

Abreus
A bela piscina natural tem acesso mais difícil que Atalaia, exigindo contar com o apoio de cordas em determinados trechos. Ainda assim, não exige guia para acompanhar as 40 pessoas que têm acesso a cada dia. Mas atenção: o passeio é feito somente na maré baixa e é preciso usar colete para a flutuação. 

Pontinha-Caieiras
As duas piscinas naturais são acessadas a partir da Vila do Trinta, com acompanhamento de guia, na maré baixa e uso obrigatório de colete. A trilha oferece 40 vagas por dia. 

Enseada da Caieira, Fernando de NoronhaEnseada da Caieira, Fernando de Noronha (foto enviada por Vinicius)

Capim-Açu
Um guia é obrigatório para acompanhar a trilha de duas horas, que começa na praia do Sancho e termina na praia do Leão. O tour inclui uma gruta e é oferecido para 40 pessoas por dia. 

TrilhaTrilha (foto enviada por Sandra)

Veja também: Descobrindo Fernando de Noronha

Gracie Croce

Jornalista, adora viajar e descobrir novos lugares. O que não impede de voltar àqueles por onde andou...