Relatos de Viagem (34)

Enviadas por quem já esteve lá | Já esteve lá? Envie suas dicas
Dicas em destaque Mais recentes
Todas as categorias
Férias com boas recordações em família
Usuário sem foto
por Alexandre
Esteve lá em 2017 e achou Muito bom
Estivemos em e nos hospedamos na pousada Três Marias, no Bexiga, pousada muito nova e aconchegante, os colchões muito confortáveis, ar, TV de tela plana e decoração rústica muito bonita, além de uma piscina sempre limpa e um café da manhã maravilhoso, o dono, Marcelo e sua família são ótimos recepcionistas e muito simpáticos, nos ajudaram com dicas de onde comer, onde ir e o que fazer, os locais que comemos foram indicações deles.
Na primeira noite comemos no Malagueta, parte sul onde fica a pousada, pedimos um frango a parmegiana para dois mais que serve três pessoas, eu indico.

No segundo dia comemos no Bonapetit, no Pereque,um self-service com boas variedades, um ótimo atendimento e um desconto de 10% indico, a noite por estarmos cansados, pedimos uma pizza na pizzaria O Italiano, uma pizza deliciosa e com bastante recheio, além de ótimo preço.

No terceiro dia almoçamos no Pimenta de Cheiro, no Pereque, que cabe ressaltar é o bairro que oferece maiores variedades de onde se comer, este restaurante é ótimo, comemos pratos do dia, todos com excelente sabor, rapidez, atendimento maravilhoso e um visual e brisa do mar maravilhosos, gostamos muito e recomendamos, a noite recomendamos o centro para escolher o que comer.

Vale a dica do repelente, pois o ponto mais negativo da ilha, são os maruins, pequenos mosquitos que estão o tempo todo como companheiros de passeios, kkkkk, picam de deixar as marcas e sair sangue, a melhor opção é levar muito repelente, trouxe exposis, porém não funcionou, recebi a indicação do ZAZ, um repelente, de que paguei 12 reais, na farmácia Farma conde, tb no Perequê, a melhor farmácia que encontrei, indico, pois tive que comprar anti alérgico para as picadas do meu garoto.
Fora isso, o passeio foi ótimo, pois estamos levando fotos e recordações que não tem preço.
34 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Praias Ilhabela
Usuário sem foto
por Rafael Borges da Silva
Esteve lá em 2018 e achou Muito bom
Enviada por Rafael Borges da Silva
Fui para Ilhabela de 23/08/2018 a 26/08/2018, adorei a cidade, muita segurança, respeito com turistas e lindas praias e cachoeiras, fiquei na pousada Vento Sul, praia do portinho, para ir nas praias comprem óleo de citronela, caso contrário, borrachudos comem você vivo, más o lugar é lindo.
16 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Ilhabela - Se preparem para os famosos borrachudos!!!
Jakeline Araújo
por Jakeline Araújo
Esteve lá a dois em 2018 e achou Muito bom
Bom, em abril fui para Ilhabela e, diferente de todos os anos de férias, esse ano não fui de carro.

Logo, fui de ônibus saindo da rodoviária tietê! Peguei o primeiro ônibus ás 06:00. Uma viagem tranquila e com 4 horas chegamos!! O ônibus deixa na balsa mesmo, tem um tempo de espera de no mínimo 30 minutos, mas nada demais! E para quem esta a pé não paga, somente os carros e motos!

Aluguei um chalé com sala, cozinha, quarto e banheiro. Pegamos um táxi e em 10 minutos estávamos no chalé. Aviso importante: em Ilhabela não é autorizado nenhum uso de aplicativo (uber,99, etc), somente o uso de táxi, mas não é nada caro.

Para quem esta de ônibus, procure pousadas, chalés... perto da balsa pois é o melhor lugar em termos de localização para pegar ônibus. Agora, se não quer passear muito, fique em Perequê pq é um bairro com ótima estrutura.

1º dia - Fomos para a praia de Perequê. Um bairro bem estruturado, cheio de barzinhos, mercado grande, digamos que a praia mais agitada por estar no centro!!!

2º dia - Fomos para a praia do Curral, lugar gostosinho e calmo! A tarde fizemos uma senhora trilha para a cachoeira do veloso, é uma mata fechada que somente tem uma trilinha, coloque 1 hora pra subir toda ( e a partir dai tome banho de repelente). Por ser uma subida e lugar de difícil acesso, não tinha ninguém. Algo bonito, da para tomar banho sossegado. 

Na descida, ouvimos uma indicação de ir pra piscina natural, tentamos ir 2 vezes mais não conseguimos, no retorno vimos um casal que qual sabia chegar. Pporque não achamos?! É um lugar privado, o ônibus deixou na frente, mas não tinha nenhuma sinalização, sorte que uma moradora nos disse que era em um portãozinho a entrada.

É uma área privada, por esse motivo a entrada bonita sem mato, não podemos ter acesso, então para os visitantes, vc passa por uma matinho com trilha, para ter acesso, depois passa por uns mato até chegar em um lugar cheiooooooooooooooo de pedras e ai que nos perdemos, pq não existe nenhuma sinalização, fomos 2 vezes e não conseguimos achar e esse casal nos ajudou. Super dica: vão de tênis, pq vc sobe e desce inúmeras pedras. Haja pernas viu! Depois de uns 30 minutos escalando e descendo pedras, vc passa por debaixo de outras e finalmente acha a tal piscina!! Vale a pena, pq o lugar é lindo, com água cristalina, peixes... Mas estejam dispostos pra irem e ficarem um bom tempo, pq o trajeto de ida e volta é tão cansativo que ficar pouco não vale a pena! Eu fiquei pouco pq ja estava tarde!

3º dia - Fui fazer a trilha da famosa cachoeira de paquetá. Mais uma vez, vão de tênis, preparem as pernas pq quem esta sem carro anda muito até chegar na trilha. Não existe sinalização nenhuma para onde ir, e nessa ficamos na dúvida pq tinha outras trilhas que pareciam ser o caminho. Vale a pena é ir até o topo, encontramos outros casais aventureiros e fomos! Mas... sem nenhuma sinalização por onde ir, ou até mesmo começar, fomos na coragem mesmo! É no meio da mata mesmo, altas subida, pedras... Mas chegando no topo, vale muito a pena, pq de lá vc tem a visão do mar e da segunda queda.

Gente, bebam repelente pq os borrachudos não perdoam!!!!!! Depois de ficar admirando a primeira queda no topo, descemos para a segunda queda, que é uma piscina enorme, e mais uma vez nos enfiamos mato a dentro pra poder chegar!!! E por fim voltamos a terceira queda que é aonde todos ficam! 

Muitas pessoas falaram que enche muito em final de semana e feriado, então a dica é pra quem pode, vai de semana! E pra passar o resto do ia fomos pra praia de julião, lugar lindo, tranquilo e com os peixinhos te fazendo companhia no mar! A noite fomos na famosa vila, pra ser bem sincera não gostei! Aachei os preços bem altos e nada de novidade pra quem sai de sp!

4º dia - perdemos a manhã pois fomos comprar as passagens de volta e como não aceitava cartão no guichê de Ilhabelha tivemos que pegar a a balsa e comprar em são sebastião! Mas na volta ficamos na praia do sino, um lugar gostoso!

5º dia - hora de voltar! 

Como disse, estava dependente de ônibus, valor de r$4,00 a passagem, no primeiro dia gastamos, mas depois descobrimos um cartão que vc coloca os créditos e usa quantas vezes quiser por dia (lógico até acabar os créditos que colocou). A única coisa ruim é que demora horrores (bom quem mora em sp acha ruim) e não existe vários ônibus, existe tipo uns 3 que vai pro lado sul e uns 2 pro norte!

Então, estejam preparados para esperar e perguntem se passam na praia que querem! Aonde fiquei hospedada ficava longe da avenida, então andei muitoooooo, por isso sigam a dica de lugares que dei pra hospedagem quem estiver sem carro!

Eu optei por chalé pq muitas pessoas falaram que alimentação era cara, então fiz minhas refeições em casa mesmo, mas pesquisei e constatei que realmente é cara! Os mercados os preços são normais, nada absurdo pra quem mora em sp!

Sai com o corpo inteiro de picadas de borrachudos, ninguém escapa, por mais repelente que use, pq eles até na água ficam! Mas vale a pena conhecer Ilhabela!
32 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Ferias Out 2013
Fernando Acédio
por Fernando Acédio
Esteve lá com a família em 2013 e achou Excelente!
Pessoal, seguem dicas de 1 casal com uma criança de 3 anos, para curtirem sem stress:

Antes da viagem:
além de roupas leves, ao menos um agasalho pois venta bastante à noite, ou nos passeios (barco, jipes, borrachudos). Repelente (tem que ser o exposis extreme gel 100ml) pois off> dura 10 horas no seco, repelex, fazem pouco efeito junto aos borrachudos, que foi recomendado pelo pediatra e deu muito certo. e tomar complexo b endovenoso ou liquido 1 semana antes da viagem. Dá certo em 50% dos casos e não tem contra indicação.

Levem água de sp pois a de lá pode contaminar e dar uma virose que acabará com as férias. eu levei 2 galões de 20l/cada da crystal que já vem com torneira, tudo descartável.

Deslocamento:
se não tiver pressa (ou mesmo tendo só de helicóptero), vá pela mogi-bertioga e depois rio-santos, de preferência durante a semana, pois descobri que a balsa de s. sebastião-ilhabela é mais barato de seg a sex. aos finais de semana, eles simplesmente aumentam 50% o valor. de r$ 14 para r$ 21,20 (www.dersa.sp.gov.br e 000 7733711). fui pela tamoios e me dei mal: levamos mais de 6 horas, devidos às obras intermináveis. e acho que levarão mais uns 6 meses fácil para a sua conclusão. a vista da rio-santos compensa.

Hospedagem
Hotel Porto Pacuíba (12 3896-2466) Praia do Viana (norte da ilha. saindo da balsa à esquerda).
Muito bom: refeições, instalações, atendimento, para crianças, preço justo para a época.

Jantar
> familia manzoli - massas artesanais únicas da ilha. poucas opções. preço médio. 12 396-5791
> manjericão - ambiente lindo, pratos fartos, preço médio. opção para o almoço também
> mozzarello - pizzaria. decoração estilo moderno, meia-luz, preços acessíveis. a melhor que eu comi (massa fina). 12 38896-1471

Almoço
> manjericão - ambiente lindo, pratos fartos, preço médio.
> kanoa, portinho, casa verde e cheiro verde (mesma rede manjericão) mas não o de boiçucanga, da brisa, cura, kalango. são opções que eu não consegui conferir, mas pelas minhas pesquisas via internet e in loco, foram me recomendadas.

Praias (calmas, boa para crianças, relaxar)
do julião (sul da ilha), que também tem um restaurante comandado pela chef ana julião (bisneta do próprio) que é ótimo, comida boa, preços acessíveis, estacionamento, sv de praia, dá para as crianças darem comida aos peixinhos nas laterais da praia, onde estão as pedras. vale a pena conferir. 12 3894-1867

Diversos
drogaria nova barra: repelentes, protetores, ou alguma emergência. 12 3895-1484 bem próximo à saída da balsa sentido norte da ilha. tem preços similares a sp, pois as da vila.

Mercado: compras para reposição de alguns itens (água, cerveja, frutas) baepi (vila) e princesa da ilha (ao lado da drogaria nova barra)
passeios: maremar turismo (eduardo) praia do perequê 12 3896-2443 (jipes, lanchas, escunas). 

Sobremesas: bariloche sorveteria (próximo à familia manzoli) sorvetes self servisse nestlé. 

Gelato tradizionale (vila em frente ao pier). sorvete artesanal, fabricação própria. daqui doces, sorvetes e sucos. na vila.

Café da tarde: ponto das letras. livraria com café. muito bom.
outra dica: simule a locação de um jipe em grupo. fica mais barato e vc tem a liberdade de horários. se for a qualquer passeio (barco, jipe, leve o repelente, dinheiro/cheque)

não recomendo:
além de não ir nas altas temporadas, pois os preços estarão nas alturas também.
pizzaria pier - a vista é linda, mas pelo preço, muito gordurosa, prefira as dicas acima. 

Agência green coast - muito confusa, desconhece o que vende. Não gostei. fica na vila. Vá direto ao pier do pereque, veja as escunas, jipes, etc.
1233 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Maravilhoso
Usuário sem foto
por Elizabeth Penha de Oliveira
Esteve lá a dois em 2012 e achou Muito bom
Antes de ir viajar sempre olho esse site para tirar minhas duvidas e geralmente são muito verdadeiras, mais deixou a desejar quanto a ilhabela!

Li muitas opiniões dizendo que os nativos eram arrogantes e mal educados, que os preços eram um absurdo e que as praias não estavam mais tão limpas e sinceramente achei tais informações um absurdo!

Estive na ilha do dia 23/03/2012 ate o dia 25 e estou para voltar agora dia 11/04... a ilha é maravilhosa, fui muito bem atendida por todos naquele lugar, os preços não fogem muito do que vemos em qualquer lugar, mais é claro que alguns estabelecimentos são exceção! Paguei 30 reais numa porção de camarão muito bem servida e 45 no passeio de lancha! Mas também me deparei com uma pizza de 67 reais! Então tem que procurar bem antes de sair comprando no 1° lugar que entrar!
Restaurante do Paulinho na praia do perequê é uma otima pedida para quem quer comer bem e puder gastar um pouco mais... o prato para 2 pessoas com arroz, feijão picanha, torradas feitas na hora, salada, farofa e batatas fritas sai por 95,00 mais vale muito a pena!

Não deixe de ir fazer mergulho na Ilha das Cabras mais não compre o mergulho de cilindro... alem de cobrarem um absurdo a visibilidade é a mesma de você alugar um pé de pato e um snnorkel. ambos por 10,00! Castelhanos é linda mais tem muito borrachudo... repelente de citronela comprado NA ILHA é essencial.. esses off e repelex não adiantam ta?  Enfim, eu amei e pretendo voltar sempre que possivel!
255 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Ilhabela realmente bela
Sueli Mello
por Sueli Mello
Esteve lá com a família em 2011 e achou Excelente!
Estou voltando de Ilhabela e posso dizer que é tudo lindo e maravilhoso. Todas as praias que conheci são lindas e limpas, são todas praias pequenas, você pode caminhar e conhecer toda a praia. Em um dia conhecemos três praias. A praia do curral é linda e muito movimentada, só que achei tudo mais caro lá, paguei 6,00 num coco, se vc não pretende gastar muito vá na barraca baleia azul, que lá é tudo mais em conta e vc pode ficar a vontade e também tem a barraca do timão, não vá na barraca papagaio que é tudo mais caro.

Na praia grande já pagamos um pouco mais barato do que no curral e é uma praia linda, um pôr do sol maravilhoso, dá pra tirar fotos lindas do pôr do sol.Ficamos na barraca barba frutos do mar.Já a praia do Julião e feiticeira são calminhas pra quem vai com criança, muito lindas, mas bem pequenas. Na praia da feiticeira não tem estrutura de bares e restaurantes.

A praia do jabaquara é lindíssima, um pouco mais afastada, o acesso bem difícil, mas dá pra ir de carro e vale a pena o sacrifício pq é linda a praia, mas cuidado, pq fomos recebidos com uma chuva de borrachudos, antes de ir passe repelente, aliás em todas as praias de ilhabela passe repelente antes de ir, deixamos pra passar lá na praia e levamos um monte de picadas. Na ilha das cabras é maravilhoso pra quem gosta de mergulhar, vc pode alugar roupa de mergulho, snorkel, caiaque.

Enfim é lindo, amei essa viagem!
Ficamos na pousada Banana verde, uma pousada simples, mas muito gostosa, atendimento maravilhoso, tudo muito limpo. Amei também.
215 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Leve dinheiro e repelente!
Erika Bolanho
por Erika Bolanho
Esteve lá com amigos em 2008 e achou Muito bom
Outra viagem que ficou marcada na minha memória foi para a praia do Bonete em Ilha Bela. As praias do norte são sempre de extrema beleza, dificilmente tem muitos turistas por ser mais longe e mais cara e por isso é um pouco mais preservada. Agora o Bonete é ainda mais preservado, porque é necessário uma trilha de 12 km (cerca de 6 a 8 horas de trilha), ou canoa motorizada que leva cerca de duas horas, ou é claro, pode ir com sua lancha ou helicóptero.

Nós fomos de carro e deixamos na praia do Curral, por R$ 10,00 a diária. Como nós não tínhamos dinheiro para uma lancha. Claro que optamos por viajar na canoa motorizada, onde o sol nos castigava durante duas horas, atravessando as ondas fortes que colidem contra a ilha até chegar ao destino. (R$ 30,00 a R$ 60,00 por pessoa). Nós chegamos a uma praia e conversamos com os pescadores, procurando como atravessar, e é claro que após muita conversa você consegue fazer o seu desconto. Não vá com muita bagagem e também não será necessário, porque cobram um preço à parte.

A cidade é minúscula, os moradores são em grande parte pescadores e vivem da própria pesca para sobreviver. O transporte é feito por barco e todos os produtos da ilha ficam mais caros, além disso, sem o turismo, eu não sei como aquelas pessoas poderiam viver sem o auxílio da pesca. Não se esqueça de levar muito repelente, porque os borrachudos são impiedosos. Pessoas do meu grupo não conseguiam mais andar e ficaram enfermos de tantas picadas. Não estou exagerando, assim que você colocar o pé na areia, irá aparecer uma nuvem de mosquitos que pousaram na sua perna. É aconselhável tomar complexo B, para ficar longe dessas pragas. Consulte um médico.

Nós acampamos (R$ 15,00 o dia) no quintal de pescadores e não tem outra forma de acampar no local a não ser que você queira alugar uma casa, mas veja isso com antecedência para não estourar o seu orçamento. Como existem poucos lugares para o acampamento, todos os turistas se reúnem no mesmo ponto e fica uma verdadeira bagunça. Se você procura paz e sossego, eu aconselho não acampar, porque sempre tem aquele grupo de idiotas que gosta de cantar e tocar violão à noite, gritando e badernando, impedindo o seu descanso. E prepare-se para um banho frio sem energia elétrica, apoiando-se na luz que provém de uma pequena vela que fica na parede, onde você consegue enxergar somente o seu sabonete! Aconselho a tomar seu banho enquanto tenha luz do dia, todavia, você não consegue aproveitar muito o mar e o sol.
Por isso, uma dica muito importante é levar uma boa lanterna para se guiar pela cidadela e conseguir fazer suas coisas na cabana.
Todo o estresse da chegada até a acomodação é rebatido pelo esplendor da praia. A areia é branca, fofa e o mar azul esverdeado, com ondas calmas e serenas de um lado e do outro lado uma área mais voltada para o surf.

Não tem rádio tocando axé/pagonde e cia no último volume, não tem barraquinhas, comerciantes empurrando queijinhos e camarões envelhecidos. Mas sim as pequenas caiçaras que aparecem para lhe oferecer cocada caseira, sem nenhum compromisso.
Em um único dia você decora a geografia do lugar. A grande igreja evangélica onde o pastor anda de terno num calor de 40° e seus fiéis muito bem vestidos com terno ou vestidos formais. A vendinha que lhe apresenta poucos produtos a preços exorbitantes como uma Coca-Cola sem quente por R$ 8,00 à R$ 10,00. Água mineral por R$ 5,00. Chocolates tipo bombom por R$ 3,00 à R$ 5,00.

Tudo depende dos pescadores, se eles não forem até a cidade e comprarem produtos, acredite, você ficará sem o que comprar no mercadinho.
Você comerá na casa de pescador, ou melhor, no quintal deles. Prepare-se para uma comida simples, sem condimentos, capricho e agilidade. Nós fomos jantar numa casa próximo a igreja e ao acampamento. Não havia nome, mas creio que tem poucas casas que servem jantar e almoço, porque a maioria trata-se de produtos únicos como: cocada, salgados, sucos, etc.
Não existe concorrência, portanto a comida é desagradável. Até chegou a ponto de eu deixar no prato. Existe criatividade no nome dos locais, os comércios, havia um local chamado MacBonete, mas não chegamos a entrar pelo cardápio e os preços.
Bom, eu passei fome no Bonete, eu creio que é um lugar para você fazer um regime, pela qualidade e sabor da comida e também o preço. Mas teve 1 lugar que tinha um serviço agradável que fica na frente de frente para o mar, onde os turistas que chegam com lancha ao meio-dia geralmente almoçam. Restaurante da Rosa.
O local mais famoso, tem um serviço rápido e profissional. O cardápio é peixe, arroz e pirão em sua maioria e sai pelo preço de uns R$ 60,00 no mínimo, sem nada de excepcional. E se quiser um gelo no seu refresco, você pagará por isso também. Além da taxa de 10% sobre o que consumiu. Não tem opções de refrigerante: Coca-Cola R$ 12,00. Sem gelo.
Próximo à praia, ao leste, existe um pequeno rio, onde os pescadores deixam a sua canoa e preparam-se para a pesca (o local da sua chegada). Ali existe uma casa de madeira muito bem decorada e arejada com mesas decoradas com toalhas verdes e estampadas, onde você pode tomar o seu café da manhã por R$ 10,00, incluindo leite quente, chocolate, pão, queijo, ovo, bolo caseiro e chá. Creio que era o melhor serviço do local, por ser saboroso e bem servido. Todos os dias nós tomávamos café da manhã do local, até que um dia veio uma refeição sem o ovo e fomos reclamar. A desculpa foi que o gerador que sustentava o comércio não suportou e desligou ao cair da noite, desligando a geladeira e estragando tudo que estava dentro. Mas tivemos um desconto de R$ 2,00 por isso.

Bonete
Um lugar excelente para descansar na praia. Você se desligará dos problemas, porque não tem absolutamente nada para fazer no lugar. Ao cair da noite, precisará de uma lanterna para voltar para seu destino. Leve bastante dinheiro vivo, mas cuidado para não aparentar ter muito dinheiro. Procure um lugar para se alimentar com cuidado para não se decepcionar depois. Aconselho a levar lanchinhos para beliscar a noite e entre as refeições. Aproveite o café da manhã próximo à lagoa de pescadores que é muito bom e aconchegante.

Aconselho a ficar dois dias no máximo e que alugue um quarto para ficar, com certeza sua viagem para o Bonete será mais interessante e terá muitos ganhos. E não se esqueça de levar uma câmera fotográfica!
95 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Praia do Julião - Praia linda!
Usuário sem foto
por MONICA
Esteve lá em 2016 e achou Excelente!
Águas Tranquilas Pra Quem Vai com Criança
Águas Tranquilas Pra Quem Vai com Criança Enviada por Sueli Mello
A praia do Julião è otima,agua bem clara, e da pra ver os peixinhos bem perto. Espetacular.
26 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Ilhabela o que tem de bom e de ruim
Usuário sem foto
por Lidiane
Esteve lá em 2008 e achou Bom
Vou começar pelo que tem de bom... Ilhabela é lindíssima.... por todos os lados que se olha faz bem aos olhos... Praias lindas, selvagens, tudo de bom. Gostei muito da Praia do Julião. A Praia da Feiticeira tb é muito linda. Para comer bem e barato (raridade em IlhaBela) vale a pena ir em um restaurante chamado Tempero da Ilha, que tem comida caseira deliciosa, e com preço barato. Fica logo depois da Praia do Julião, Praia Grande. Recomendo! O que tem de ruim: 1-) Prepare-se para levar dinheiro no bolso, cash, porque é raridade algum lugar que se aceita cartão, é so no dinheiro vivo.... 2-) Péssimo atendimento em qualquer lugar.... Não sabem muito como tratar os turistas. Me senti como se tivesse incomodando os moradores da cidade. Não tem um mínimo de cortesia com ninguém. 3-) Tem uma lojinha em um mini-shopping, bem no centro de Ilhabela, perto de um pier, que estampa camisetas em 10 segundos. Fiquei horrorizada com o dono da loja, pois estava super mal-humorando, não estava com a mínina vontade de atender ninguém, e ainda disse para uma atendente que era para tirar as camisetas da vitrine somente se alguém fosse comprar de verdade. Claro que saímos da loja na hora. Pena eu não lembrar o nome da loja, mas é dentro de um mini-shopping. 4-) Borrachudos: Não esqueça o repelente... senão eles te devoram. Enfim, se não fossem as pessoas que se sentem incomodadas com os turistas, Ilhabela seria perfeita, mesmo com borrachudos.
289 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Linda, mas um tormento a travessia da Balsa
Usuário sem foto
por Ana
Esteve lá com a família em 2016 e achou Ruim
Estive em Ilha Bela, neste fim de semana (26/08/16 a 28/08/16), não sei se foi por causa da corrida promovida pelo Sesi em parceria com a XTerra, senão me engano.
Mas foi desanimador, paguei 2 diárias num chalé maravilhoso (Tie Chalés), mas não podemos aproveitar por causa da travessia da balsa. Chegamos sexta a tarde por volta das 16:30h e ficamos MAIS OU MENOS 4 HORAS de espera para pegar a balsa de São Sebastião para Ilha Bela, foi estressante, cansativo, tudo de ruim, com criança no carro e fome, tendo que comprar comida dos ambulantes com valores absurdos. 

Tinhamos um planejamento de sair por volta das 17h do domingo, o que foi alterado por receio de passar por tudo de novo. Saímos as 11h e mesmo assim ainda ficamos MAIS OU MENOS 2 HORAS na espera da balsa. Acredito que a longo prazo seria ideal a construção de uma ponte de ligação, aliás já passou do tempo do governo se preocupar com isso. Mas pra eventos e feriados, tem que ser disponibilizados mais balsas.... Perdemos muito tempo na espera da balsa, o que estragou nosso passeio. Gastamos muito dinheiro com hospedagem pra ficar um dia!!!!
101 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Delícia de Lugar
Rodrigo Moreti
por Rodrigo Moreti
Esteve lá a dois em 2012 e achou Excelente!
Fiquei hospedado no Ilha Deck Hotel, na praia de Itaguassú. A localização é ótima, perto de tudo, comércio, balsa e centro histórico. O hotel é agradável, tem um restaurante beira-mar e um quiosque, e seus preços são bem salgados. Café da manhã bom, quartos limpos. O que não gostei foi que a recepção do hotel é a mesma do restaurante e fica um pouco confuso. Deveriam separar os serviços.

O atendimento foi ótimo, fui recepcionado pela proprietária Aline, muito solicita.
Quanto à ilha, é fantástica, pitoresca, misturando história e belezas naturais muito preservadas. Dica: não tentem fazer a trilha para a Praia de Castelhanos com um carro comum. Apenas consegue vencer a estrada de mais de 20km carros 4x4 ou jipes. A estrada é muito ruim. Em suma, a beleza do local é tanta que nenhum borrachudo vai estragar!!!
30 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Muito Bom!
Enviada por Mcht
Não vá na alta estação, pois não há espaço para muita gente lá. As praias são ótimas, sem ondas, mas são pequenas. Melhor praia: praia grande ,ao sul. Vale à pena uma volta de kaiake e disco com as crianças. O travessia de balsa já é um divertimento para elas.
No final da tarde pescar na praia é uma boa pedida. As praias já tem cadeiras e guarda-sol colocados pelas barracas, além da ducha de água doce. Isso é um diferencial!. Não tem tanto mosquitos assim se ficar perto do mar. Cachoeira da Toca muito legal, mas vá quando estiver bem quente, a água é gelada. À noite na vila tem artesanato, lembranças, camisetas, lanchonetes e etc. Não me arrependo de ter conhecido Ilha Bela, muito legal. Vá de carro, ônibus é complicado lá. Tem supermercados, padarias e farmácias. É uma ilha, mas não é isolada.
76 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Olha Linda!
Usuário sem foto
por Thais c. Evaristo
Esteve lá a dois em 2012 e achou Muito bom
Oi pessoal... Resolvi deixar um depoimento aqui, pois as dicas e comentários postados aqui me ajudaram muito...eu e meu namorado fomos pra ilha bela nesse feriado agora do dia 12-10-2012...e foi mágico... Ficamos hospedados na pousada Fruto do mar, muito bom, hospedagem excelente, simpáticos, bela vista da ilha...Não deuxe de fazer o passeio para castelhanos, uma das praias mais lindas que já vi...fizemos de jipe, mas gostaria de ter feito por mar, só que as condições do mar não permitiram. Outra praia linda e que é de fácil acesso de carro é a praia de Jabaquara, linda demais.

O restaurante Manjericão fica no centro e recomendo, comida ótima e preço justo...ahhh e não deixe de provar a caipirinha de folha de mexerica na praia castlhanos... Divina... A última dica é muito repelente os borrachudos não dão trégua, mas como dizem por la, vale a pena doar um pouco de sangue.....
40 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Vila - Ilhabela é única!
Usuário sem foto
por Cláudia
Esteve lá com a família em 2012 e achou Excelente!
Ilhabela tem uma paisagem única, entre montanhas e mar azul. Uma cidade muito charmosa, exuberante em beleza e bem frequentada. Na vila e nas regiões centrais praticamente não tem borrachudo. Possui ciclovia na orla.

Tem praias lindas de águas cristalinas, boa infraestrutura de restaurantes e hotéis, não é uma cidade barata no geral, mas vale cada centavo que é gasto. O povo é amigável e atende bem ao turista, inclusive os carros param nas faixas de pedestre para a travessia, visto que não tem semáforos. Com certeza, retornarei sempre que possível, mesmo morando em outro estado.
33 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

Falta de transportes e taxistas malandros
Usuário sem foto
por Ludmila
Esteve lá com amigos em 2012 e achou Muito bom
Gostei muito de Ilhabela. O local é lindo, as praias e cachoeiras são ótimas, os restaurantes são bacanas. Entretanto, dois problemas chamaram a atenção: a falta de ônibus e a desonestidade dos taxistas.

A ilha conta com linhas de ônibus que perfazem todo o trajeto da orla. É muito fácil se deslocar de ônibus por lá, se não fosse um inconveniente: eles demoram demais! Certo dia precisei ficar esperando por mais de uma hora um ônibus da Praia do Julião para a balsa! Em outra oportunidade, após meia hora de espera, o ônibus passou direto, tendo o motorista feito sinal de que estava lotado, e por isso não poderia parar.

Um outro porém é a carência de transportes diretos do sul da ilha até o norte, sendo certo que os turistas sempre têm de fazer baldeação no ponto final da balsa para pegar outro.

Os problemas não acabam aí: fui lesada várias vezes pelos motoristas de táxi da ilha. O primeiro me cobrou 10 reais para me levar da rodoviária de São Sebastião até a balsa (no taxímetro daria uns 7,00). O outro chegou no local já com o taxímetro ligado, alegando que o taxímetro é ligado no momento em que o táxi sai do ponto, e não quando o passageiro entra!

O último taxista deixou o taxímetro ligado enquanto ele procurava troco para me dar, e cobrou o valor do momento em que me entregou o troco, e não aquele de quando o táxi parou em seu destino... Enfim: tomem cuidado com os taxistas de Ilhabela, pois a malandragem rola solta.
39 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil

1 2 3 >
Mostrando 1 a 15 de 34 dicas sobre IlhaBela

Mais atrações e informações de IlhaBela

Planeje sua ida