As belas praias de Vila Velha atraem os moradores da vizinha Vitória, que chegam ao destino através das pontes que ligam as duas cidades. O agito - dia e noite - acontece na praia da Costa, emoldurada por calçadão, ciclovia, quiosques, bares, restaurantes e hotéis. Já Barra do Jucu reúne a turma do surf. Rústica, a praia oferece clima de vila de pescadores, igrejinha e lagoa para a prática de canoagem. Na praia da Sereia, o movimento é das famílias, por conta das águas calmas e perfeitas para passeios de caiaque.

Praia da Costa reúne calçadão, ciclovia, quiosques e restaurantes 

Completam o cenário as praias da Baleia, com boas ondas; Itapoã, procurada para a prática de vôlei e futebol; e Itaparica, com águas transparentes, ondas fortes e movimento constante por conta dos quiosques.

Para apreciar as belezas naturais do alto, siga para o Convento de Nossa Senhora da Penha, um dos mais antigos do país, erguido em 1558. 

A construção é um dos cartões-postais do estado e fica no topo de um morro de 154 metros. Acrescente ao tour cultural uma visita ao Museu Ferroviário, que funciona na antiga estação de Pedro Nolasco, datada de 1927. 

Vila Velha é famosa também por abrigar a fábrica de chocolates Garoto. O espaço é aberto a visitas guiadas - o Chocotour. Durante uma hora e meia, os visitantes percorrem os “chocodutos”, que se estendem por seis quilômetros dentro da fábrica. E o melhor: em cada linha de produção visitada há uma ilha de degustação! É preciso fazer reserva com antecedência, já que a fila de espera costuma ser grande. No espaço funciona uma lojinha para venda dos produtos. 

 

Convento de N.S. da Penha: Construção é um dos cartões-postais do Espírito Santo -
Convento de N.S. da Penha: Construção é um dos cartões-postais do Espírito Santo - Foto: Tadeu Bianconi

Descobrindo Vila Velha (ES) Guia completo por Editoria Férias Brasil

Em destaque > O que ver e fazer

E mais

Planeje sua ida