karina lutz
tem 45 anos, mora em Jundiaí, já enviou 1 dica, já enviou 1 foto

Minhas Fotos (1)

Jalapão (1)
  • Cachoeira da Fumaça
    Jalapão

Minhas Dicas (1)

O Jalapão não é tão bruto como dizem....
Jalapão Esteve lá com amigos em Janeiro/2013 e achou Excelente!

Estive no jalapão com um grupo de 11adultos e 6 crianças, entre elas, minha filha de 4 anos, de 28/12/12 a 05/01/13. confesso que estava um pouco preocupada pelo que as pessoas diziam sobre a rusticidade do local. bem, é simples, porém maravilhoso, inesquecível e nada de tão bruto a ponto de crianças não poderem ir. é melhor que se saiba nadar, aproveita-se mais. as pousadas são simples, mas sempre oferecem boas refeições e são limpas.

Ficamos em ponte alta, numa pousada chamada águas do jalapão, não dá pra passar por lá sem conhecer o local e seu simpático e atencioso proprietário paulista nilton, além dele, os guias cristiano e mangabinha foram mega atenciosos, especialmente com as crianças. inclusive, pra quem pensa em ir com criança, é imprescindível locar um 4x4 com motorista, no nosso caso, havia comidinhas e bebidas disponíveis o dia todo no carro. depois de ponte alta fomos até mateiros e são félix. paisagens deslumbrantes e nada de vomitar no carro de tanto solavanco. obviamente não é nenhuma rodovia dos bandeirantes, é estrada de terra, com muitos buracos e areia ( por isso, só dá pra ir de 4x4, há quem se aventure em outros carros, mas fica no caminho!!!!). tem também calor e pernilongos e mutucas, mas eu achava que elas me levariam embora de tantas que diziam haver por lá!!! tem mais do que aqui, mas levei 4 frascos de repelente e não usei nenhum inteiro!!! exagero!!!! ah, tem uma pousada chamada santa helena, também de um paulista, o mauro, em mateiros, que dá vontade de ficar 1 semana!!!! tudo de bom, vc se sente em casa!!!!! a primeira ideia era de acampar um dia, mas confesso que não rolou, os campings são rústicos demais pra mim, muito precários pra quem está com criança!!! impossível esquecer o fervedouro do mumbuco, mesmo nome do povoado onde começou o artesanato do capim dourado!!!! no fervedouro (espécie de lago onde a água brota de baixo pra cima com uma força tão grande q não se pode afundar!!!!) os adultos viram crianças novamente, é diferente e muito engraçada a sensação, parecemos bonecos do tipo joão-bobo.

Comprar muitos artigos de capim dourado também faz parte do passeio!!!! enfim, vale a pena, sem medo!!!! é um brasil inóspito e maravilhoso!!!!! Karina Lutz - Jundiaí - SP

249 pessoas acharam esta dica ÚTIL ou MUITO ÚTIL.
Qual a sua opinião? Pouco útil Útil Muito útil