A paisagem contornada por cachoeiras e muitos bosques atraiu, em diferentes períodos, imigrantes poloneses, ucranianos, alemães, italianos e holandeses. Cada povo deixou seu legado, que pode ser conferido na arquitetura das casas e no artesanato repleto de pêssankas (os tradicionais ovos pintados a mão) e macramês (bordados).

Cadeadinho: Cachoeira é acessível por trilha<br>
Cadeadinho: Cachoeira é acessível por trilha
Foto: Prefeitura de Irati

Pierogue, pastel polonês assado e recheado, é de dar água na boca

A herança está, ainda, na gastronomia. Os destaques ficam por conta do pierogue, um pastel cozido, recheado com batata e requeijão e servido com nata ou molho à bolonhesa; e do borrego no rolete - prato à base de carne de cordeiro. 

Já o folclore garante a alegria dos eventos regionais, sempre animados por grupos de danças típicas.

A religiosidade também é marcante na cidade. Igrejas pontuam o cenário, como a de Nossa Senhora das Graças. O templo abriga a maior imagem da santa do mundo, com 22 metros de altura.  

Para os aventureiros, a dica é curtir a natureza e desbravar as trilhas em direção às cachoeiras de Itapará, Vista Alegre, Faxinal do Antônios, Teodózio Hlatki, Cadeadinho... 

É preciso, porém, ter cautela durante os passeios - os acessos não são fáceis e não há sinalização ou infraestrutura.

Mais informações sobre Irati

DDD 42

Informações turísticas
Tel: 3907-3000

Distância de Curitiba
153 km - acesso pela BR-277

http://www.irati.pr.gov.br