O que ver e fazer

Noite no Rio Vermelho com acarajé (4 fotos)

Já esteve lá? Envie suas dicas
    Largo de Santana reúne todas as tribos
    Rita Barreto - BahiatursaENVIE SUAS FOTOS
    Largo de Santana reúne todas as tribos
    1. Largo de Santana reúne todas as tribos
    2. Bucolismo é a marca do bairro do Rio Vermelho
    3. Bairro foi revitalizado em 2016
    4. Nova orla convida a passeios

    Noite no Rio Vermelho com acarajé

    Por Editoria Férias Brasil

    Salvador tem uma barraquinha de acarajé em cada esquina, mas para experimentar os quitutes preparados pelas baianas mais famosas da capital siga para o bairro do Rio Vermelho. No Largo de Santana, Dinha e Regina demarcaram seus territórios, reunindo turistas, boêmios e artistas que têm por sua baiana favorita a mesma paixão que carregam por seus times do coração. 

    Além de saborear a iguaria à base de feijão fradinho, vatapá e camarão seco, aproveite para curtir o bairro que virou point noturno de Salvador, com bares animados e restaurantes descolados. Inaugurada em 2016, a Praça Caramuru ocupa o antigo “Mercado do Peixe”, como o local era conhecido há mais de 50 anos. O novo espaço reúne 11 restaurantes e oito quiosques de cardápios variados e alguns funcionam 24 horas, mantendo a tradição do antigo Mercado. A praça ganhou ainda uma área para shows e apresentações culturais e estacionamento.

    Para quem curtir um agito nos arredores do Pelourinho, a boa é a Rua de Santo Antônio Além do Carmo. Vá no fim do dia, para apreciar o pôr do sol na Baía de Todos Santos do alto, nos muitos café e barzinhos instalados em pousadinhas coloridas. À noite, o movimento aumenta, com a abertura de bares e restaurantes que espalham mesinhas na calçada.

    Outras atrações em: