Antigo refúgio dos coronéis do cacau, Itacaré entrou para o esquecimento na década de 60 quando uma praga implacável, a vassoura-de-bruxa, levou à decadência as fazendas da região. O destino só foi redescoberto 40 anos depois, com a inauguração da Estrada-Parque Ilhéus-Itacaré. O asfalto substituiu a precária estrada de terra, até então encarada somente pelos surfistas que, nos anos 70, desbravaram e mantiveram no anonimato o abandonado pedaço do paraíso.

Esportes e Ecoturismo: Em meio às aventuras, belas surpresas<br>
Esportes e Ecoturismo: Em meio às aventuras, belas surpresas
Foto: Gabriel Carvalho - Setur-BA
Com o acesso fácil vieram também a badalação, as mordomias - pousadas confortáveis, resorts sofisticados, restaurantes de cozinha internacional, cybercafés, lojinhas... - e o movimento constante de turistas. Itacaré, porém, renasceu sob as bênçãos do ecoturismo e vem crescendo de maneira ordenada, preservando rios, cachoeiras e praias desertas emolduradas por morros cobertos de Mata Atlântica - um cenário bem diferente dos principais cartões-postais da Bahia, onde predominam dunas e falésias.

Recifes, coqueiros e boas ondas dão vida à Havaizinho, uma das mais belas praias locais

Para manter tudo no seu devido lugar, a cidade não abre mão das trilhas, única maneira de chegar aos cenários mais encantadores, como Prainha e Havaizinho. Caiaques, canoas, bicicletas e jipes também são bem-vindos e substituem os pés na hora de praticar esportes ou aventurar-se em meio às paisagens espetaculares.

Decadência mesmo, só no centrinho da vila, onde ainda há casarões abandonados. Mas alguns foram reformados e abrigam badalados restaurantes de frutos do mar, como os instalados na rua Lodônio Almeida, a mais charmosa de Itacaré. Também movimentada é a rua Pituba, antiga Caminho da Praia e repleta de bares, que ganhou o novo nome em referência ao democrático bairro de Salvador. É por ali que o rola o burburinho noturno, que sempre termina nas pistas das casas de forró ou nas areias da praia ao som de reggae e música eletrônica.

Descobrindo Itacaré Guia completo por Editoria Férias Brasil

Em destaque > O que ver e fazer

E mais

Planeje sua ida