Por Editoria Férias Brasil

A natureza, em quase todas as suas formas, faz-se presente na Chapada Diamantina, uma área de 70 mil quilômetros quadrados. Grande parte das belezas está guardada e preservada no Parque Nacional, que abriga uma imensa área tomada por cânions, cachoeiras, platôs e  grutas num cenário que varia entre Mata Atlântica, cerrado e caatinga. Ali brotam bromélias e orquídeas, assim como cactos. Gigantescos também são os cartões-postais da região: o Morro do Pai Inácio, a mais de mil metros de altitude; e a cachoeira da Fumaça a mais alta do Brasil, com quase 400 metros de queda.

Explorar o Parque Nacional da Chapada Diamantina

#1 de 9 Programas Clássicos na Chapada Diamantina ( 2 fotos )

Com uma área de 1.500 quilômetros quadrados, o Parque Nacional abrange algumas cidades da região, como Lençóis - a "capital" da Chapada e principal base para explorar os atrativos da reserva -, Palmeiras/Vale do Capão, (86 quilômetros de Lençóis), Andaraí (100 km) e Mucugê (134 km). Cada uma guarda uma infinidade de surpresas como cachoeiras,... leia mais

Parque Chapada Diamantina
Imagens emocionantes ainda na subida para o Pai Inácio Foto: João Ramos - Bahiatursa

Encarar um trekking

#3 de 9 Programas Clássicos na Chapada Diamantina

Caminhar - e muito - é preciso para conhecer as diversas facetas da Chapada. Mas cada trilha percorrida vale a pena, levando-se em conta os belos cenários emoldurados por cânions, cachoeiras, serras e grutas. A mais clássica das travessias é a do Vale do Paty, que dura cinco dias. leia mais

Cachoeira do Buracão
Foto: Gracie Croce

Ver o pôr do sol no morro do Pai Inácio

#4 de 9 Programas Clássicos na Chapada Diamantina ( 2 dicas , 35 fotos )

A 1.120 metros de altitude, o morro do Pai Inácio descortina a mais bela vista panorâmica da Chapada. São 360 graus de paisagem de tirar o fôlego, ainda mais ao pôr do sol. Uma subida íngreme de 300 metros leva ao topo do cartão-postal, que fica em Palmeiras, a 21 km de Lençóis. leia mais

Ver o pôr do sol no morro do Pai Inácio
Espetáculo gratuito e diário
Foto: João Ramos - Bahiatursa

Desbravar a gruta Torrinha

#5 de 9 Programas Clássicos na Chapada Diamantina ( 6 fotos )

A mais interessante gruta da Chapada é tomada por ornamentações, como as agulhas de gipsita, com 60 centímetros de comprimento; e as raras flores de aragonita, que parecem de vidro. As visitas guiadas duram entre uma hora e duas horas e meia e, em alguns trechos, é preciso andar agachado. A gruta fica em Iraquara. leia mais

Desbravar a gruta Torrinha
Formações suntuosas fazem da gruta uma das mais belas da região Foto: Jota Freitas

Flutuar no Poço Azul

#6 de 9 Programas Clássicos na Chapada Diamantina ( 3 dicas , 8 fotos )

Uma caverna inundada por águas cristalinas e azuladas só poderia ganhar o nome de Poço Azul. A profundidade chega a 16 metros e é permitido fazer flutuação em alguns trechos. Vá no início da tarde, quando a incidência do sol deixa as águas ainda mais azuis. O poço fica em Andaraí. leia mais

Mergulhar no Poço Azul
Poço Azul é demais. Vale super a pena mergulhar por lá! Enviada por Guto

Vislumbrar o Poço Encantado

#7 de 9 Programas Clássicos na Chapada Diamantina ( 3 fotos )

O poço fica escondido no fundo de uma caverna e é acessível com o auxílio de cordas improvisadas. As águas cristalinas e azuladas formam um espelho com 110 metros de comprimento e 70 metros de largura. Não é permitido nadar no poço, que fica em Itaetê. leia mais

Vislumbrar o Poço Encantado
Cores e muita beleza no cartão-postal Foto: Gabriel Carvalho - Setur / BA

Aventurar-se na cachoeira do Buracão

#8 de 9 Programas Clássicos na Chapada Diamantina ( 8 dicas , 23 fotos )

A caminhada de uma hora leva a um gigantesco cânion que desemboca no Buracão. Nesse ponto, há duas opções: nadar ou caminhar agarrado às pedras. Quem enfrenta os desafios é recompensando: nadar próxima à queda, de 85m, e até entrar atrás da cortina de água, dependendo do volume. leia mais

Cachoeira do Buracão
Ficar atrás da cortina de água é pura emoção! Foto: Guto

Visitar o Garimpo do Cori

#9 de 9 Programas Clássicos na Chapada Diamantina

Um garimpo cenográfico montado no quintal da casa de seu Cori, um antigo garimpeiro, mostra aos turistas como era feita a busca pelos diamantes que abundavam na região. Com peneiras em punho, Cori faz demonstrações do ofício que exerceu dos 12 aos 78 anos. leia mais

Visitar o Garimpo do Cori
Máquinas de lapidação do diamante
Enviada por Urbino Brito dos Santos

Mais atrações e informações da Chapada Diamantina